Publicado por: cristianogandra | Novembro 8, 2009

Limpar um Cristal

Sempre que alguém toca ou manuseia um cristal, a sua energia é transferida e absorvida pelo cristal. E como a energia pode ser limpa ou suja, não é aconselhável intro­duzir energia prânica limpa num cristal sujo. Toda a energia suja que se infiltrou no cristal precisa ser removida.

Mesmo durante os processos de extracção ou simples manuseio o cristal adquire parte das nossas energias e qualidades. A isto se dá o nome de impregna­ção psíquica. Por exemplo, se uma pessoa que segura um cristal tem muita raiva ou é pessimista, essa energia negativa transfe­re-se para o cristal ou nele se impregna. Por outro lado, se a pessoa for positiva, essa qualidade, sob a forma de energia, também se transfere para o cristal. É por este motivo que a impressão psí­quica ou a impregnação anterior precisa ser removida. Quando for o caso, também precisamos remover todo o pro­grama introduzido no cristal. O proprietário anterior pode tê-lo programado para certos propósitos…

Existem várias maneiras de limpar um cristal. Para remover a energia suja, usamos água e sal, ou incenso, ou ambos. Para remover a impregnação psíquica e o programa anterior, utilizamos luz violeta-cintilante através da técnica dos chakras da coroa e da mão. Também podemos adoptar essa técnica para remover a energia suja.

LIMPAR com

Água e sal

A água tem a capacidade de absorver a energia suja enquanto o sal tem a habilidade de a fragmentar ou de a desintegrar. Ao limpar o cristal, não só removemos a energia suja, como aumentamos o seu nível de energia prânica.

Podemos limpar um cristal com água e sal, de duas maneiras:

            1. Mergulhamos o cristal em água (1 litro) e sal (um punhado) por aprox. 30 minutos ou mais. Para facilitar o processo de limpeza instruímos o cristal, verbal ou mentalmente, a expelir a energia suja enquanto estiver mergulhado nessa solução.

            2. Com as mãos, esfregamos o cristal na solução de sal durante uns dois a três minutos. Ao esfregar o cristal com os dedos, men­talizamos a intenção de remover a energia suja. Ou instruímos o cristal a expelir a energia suja, verbal ou mentalmente. Este método é mais rápido do que o precedente.

Água fria ou álcool

Se não dispusermos de água e de sal, podemos embeber ou borrifar o cristal com álcool etílico ou metílico, esfregando-o com as mãos para facilitar o processo de limpeza. No entanto a eficácia da limpeza é maior com água e sal do que com álcool.

Se o cristal for de qualidade superior ou feito de pedra pre­ciosa, não o limpamos com água e sal, mas sim com água fria apenas ou álcool, ou ambos. O sal pode danificar o cristal ou a pedra preciosa.

Um cristal utilizado no tratamento de doenças graves preci­sará de mais tempo para ficar limpo, pois a energia é extremamen­te suja. Para facilitar o processo de limpeza, instruímos o cristal a expelir a energia suja.

Incenso

O incenso é outro elemento que podemos usar na limpeza de um cristal. Quando o acendemos ele liberta certos tipos de energia. Os clarividentes vêem a energia como pontos de luz com certas cores. Essas cores comportam propriedades espe­cíficas.

Existem muitos tipos de incenso. O incenso de sân­dalo, quando acendido, produz uma cor verde que tem um efeito purificador.

Quando acendemos um incenso para limpar um lugar ou um cristal, obteremos um efeito mais rápido e mais eficaz se esse acto for acompanhado por uma intenção de limpar, por uma oração ou por um encantamento com finalidade de limpeza. Apenas desejamos silenciosamente, «Que este cristal (ou lugar) fique completamente limpo.» O processo de limpeza é mais rápido porque os pontos de luz produzidos pelo incenso são pequenos seres de luz que têm consciência e vontade, e que seguirão prontamente as suas instruções.

     1. Sensibilizamos as mãos e os dedos durante alguns minutos.

     2. Acendemos um incenso de sândalo.

     3. Expomos o cristal ao fumo do incenso durante alguns minutos. Repetimos mentalmente:

     «Seres de luz! Por favor, limpem este cris­tal de toda a energia suja. Agradeço a vossa cooperação.»

Luz violeta-cintilante

Para remover completamente as impressões psíquicas e o programa anteriores, usamos luz violeta-cintilante através da técnica dos chakras da coroa e da mão. (Cura Prânica)

     1. Sensibilizamos as mãos e os dedos durante alguns minutos

     2. Juntamos a língua ao palato.

     3. Concentramo-nos nos chakras da coroa e da mão.

     4. «Escovamos» com luz violeta-cintilante ou luz branca bri­lhante sobre o cristal por 10 vezes com a intenção de re­mover todas as impressões psíquicas e todos os programas anteriores.

Oração

Ao limpar um cristal, o uso do incenso é opcional, mas é necessário usar ou água e sal ou luz violeta-cintilante. A oração é ex­tremamente útil.

      1. Sensibilizamos as mãos e os dedos durante alguns minutos.

     2. Concentramo-nos nos chakras da coroa e da mão.

     3. Unimos a língua ao palato.

     4. Olhando para o cristal, rezamos,

     «Ser Supremo, entidades espirituais e anjos da guarda, obrigado por purificarem este cristal de ener­gia suja, impressões psíquicas anteriores e programações anteriores. Com toda a fé. Assim seja.»

     Repetimos a oração três vezes.

    5. Em simultâneo «escovamos» o cristal 10 vezes.

     6. Podemos visualizar luz violeta-cintilante ou luz branca bri­lhante penetrando no cristal, mas essa etapa é opcional.


Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

Categorias

%d bloggers like this: